Os apelidos de comando (alias) são muito úteis para condensar em um único comando complexas chamadas repetidas que você realiza no dia-a-dia.

Porém, a cada vez que o terminal é encerrado os apelidos são perdidos, pois são criados na sessão de terminal apenas.

Para evitar isto veremos como registrá-los de maneira permanente.

Estes apelidos de comando foram testados nas distribuiçõs Ubuntu, Mint e Debian.

Criando apelidos

Primeiramente veremos como criar os apelidos por meio do comando alias.

Sintaxe alias

alias <alias-name>="commands"

Exemplo

Uso com frequência estes quatro apelidos de comando em meus trabalho diário no desenvolvimento com Laravel:

  1. Atalho para o composer.phar em minha pasta home padrão
  2. Atalho para o composer dump-autoload
  3. Atalho para o comando php artisan
  4. Atalho para listar as rotas php artisan route:list
alias composer="~/.composer/composer.phar"
alias comp-dump="composer dump-autoload"
alias artisan="php artisan"
alias art-route-list="php artisan route:list"

Apelidos permanentes

Para que estes apelidos de comando fiquem permanentes para todas as sessões de terminal que abrimos, basta criá-los como entradas em seu arquivo ~/.bashrc.

gedit ~/.bashrc
/* insira os aliases */
/* execute o source para o .bash ter efeito */
source ~/.bashrc

Espero que a dica ajude-o a aumentar a produtividade.

Referência: How to create a permanent “alias”?


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Complete a fórmula para verificação * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!